23 de set de 2008

Além das águas quentes

Caldas Novas. Onde muitos brasilienses vão passar suas férias ou final de semana. Lugar onde velhinhos encontram sua morada, tranquila e com águas quentes. Lugar onde todo mundo é parente de todo mundo ou pelo menos sabe quem é da família de quem.

Onde o sorveteiro é parente da vereadora, o prefeito apóia um candidato chamado Magal. Magal anuncia festa em puteiro. O puteiro se chama Kelly Empreendimentos. Os policiais conhecem Kelly e afirmam que ser cafetina não é crime. A outra candidata é dona do enorme hotel "Di Roma" e acusa Magal de cheirar cocaína, oferecendo parte de seus bens caso seja provado o contrário. Uma cidade que no período de um mendato teve cinco prefeitos. Mesmo assim as passeatas lotam e cheios de esperança, adultos e crianças abanam banderinhas. Eles ainda correm sem cansar atrás de carros de som que passam quase na velocidade da luz com candidatos em cima. O canditado adptou um funk para a campanha. O funk não saiu da cabeça ao menos das pessoas que estavam comigo. Obejetivo cumprido.


Em uma cidade como esta, dois jornais circulam diariamente. Um deles, o CNN, Caldas Novas Notícias, circula apenas um dia após seu suposto fechamento. Ou seja, o jornal de quinta circula na sexta. Com duas folhas, ele dá informes e notícias rápidas e coloca muitas fotos de festas e anúncios. Claro que Kelly Empreendimentos está presente, não apenas nos anúncios, como nas fotos de suas festas. A dona de uma pousada diz: "Tem como ficar informada por aqui? Ainda bem que existe a Internet".


Em três dias, vimos e ouvimos muita coisa, a maioria da boca do povo, que sabe de tudo que se passa naquele lugar. Muitos tem medo de falar dos ricos, que mapeam a cidade com suas propriedades. Mas sempre sabem de tudo. Bom ser uma cidade pequena, assim eles podem conversar, fofocar, se informar e não depender tanto dos veículos de comunicação. Inacreditável é o fato de existir gente como um senhor que encontramos em uma lanchonete, senhor Richter, que comprou nosso jornal, e ainda por R$1,oo. É a vontade de saber e a esperança de ser aquela uma publicação melhor.


0 interações:

Postar um comentário